quinta-feira, 5 de julho de 2007

Brinquedo de Sucata

Hoje em dia a reciclagem é assunto discutido por pessoas de todas as idades. Muitas crianças já têm consciência de que o lixo pode ser renovado ou transformado em algo útil. Em casa ou na escola elas aprendem a dar valor em materiais que aparentemente não serviriam para nada e transformam sucata em brinquedos.

O brinquedo feito com sucata, além de ajudar a preservar a natureza, é oportunidade dada à criança para desenvolver sua criatividade e seu pensamento crítico em relação ao desperdício (conseqüência do consumo desenfreado). É uma maneira simples, econômica e divertida de educar e ajudar na formação dos cidadãos mirins.

Resgatando a Infância

Não precisa voltar muito no tempo para lembrarmos das brincadeiras e dos jogos que inventávamos sem precisar sair de casa. Lembro-me de quando era criança e que a falta de recursos, muitas vezes, me “obrigava” a colocar a cabecinha para funcionar e a fazer meus próprios brinquedos. Como era divertido fazer tartaruga com caixa de ovos, bonecos de meia, barquinhos de papel... e brincar com as sobras de legumes.

No meio dessa era do descartável há uma infinidade de opções que podem fazer do seu lixo um brinquedo educativo e atraente para as crianças. Você já pensou em construir um vai-e-vem com garrafas pet, um bibelô com copo descartável, dobraduras com papel, um jogo da velha com tampinhas coloridas, um fantoche com caixinha longa vida, um chocalho com garrafinhas de leite fermentado ou fazer casinhas com caixas de fósforo?

Então não perca tempo! Chame seu filho, sobrinho e todas as crianças que estiverem por perto. Use a criatividade e a imaginação para construir brinquedos e jogos originais.

Infância Roubada?

Outro ponto que julgo ser interessante tocarmos é o apelo da mídia pelo consumo de brinquedos que usam tecnologias cada vez mais avançadas, sem contar a promoção de personagens e de “personalidades”, como é o caso daquele grupo os Rebelados.....os Rebeldes (sei lá!) e mais todas essas coisas que a mídia cospe no comércio e nos entopem de cd’s, dvd’s, bolsinhas, blusas, agendas...

Será que essa situação, muitas vezes incentivada pelos próprios pais, não mascara a verdadeira identidade da criança? É tão bom ser a gente mesmo, não é? Pensem nisso!

Sugestões de links que ensinam a construir brinquedos com sucata: http://www.ultragaz.com.br/comunidadeativa/alegria.htm http://www.construirnoticias.com.br/asp/materia.asp?id=692 http://www.recicloteca.org.br/Default.asp?Editoria=7&SubEditoria=35
http://www.clicfilhos.com.br/site/display_materia.jsp?titulo=Lixo+que+vira+brinquedo

_____________________________________________________
Texto de Renata Gonçalves

8 comentários:

Cristiane A. Fetter disse...

Oi Renata, eu faço muito isso com meu filho. Tento também incentivar a criatividade dele. Tudo aqui em casa vira brinquedo. E a embalagem vazia de shampo, a caixa de sapato, a embalagem vazia do nesquick que vira carrinho, é a peneira velha de cozinha, o funil de plástico, são tantas opções.
Ele adora e está sempre criando (as vezes até demais, risos).
Mas é um grande incentivo. Adorei o tema. Abraços

ana cláudia disse...

Renata,
eu tenho duas opiniões divergentes a esse respeito.

Uma é que reaproveitamento é ótimo e o incentivo ä criatividade da criança ao criar objetos tão inusitados como tirar um carro a partir de uma lata, excelente.

Mas minha outra visão é que isso não é reciclagem. Reciclagem prá mim, é transformar lata em novas latas, papelão em novo papelão.
Isso porque esses brinquedos, invariavelmente, virarão lixo novamente. Fazer um brinquedo a partir de sucata é apenas adiar o dia em que este material vira lixo.

Não quer dizer que eu não apóie. Apoio e faço. Atualmente os brinquedos preferidos deles são um carro, um ônibus e um avião feitos com caixas de papelão para eles ficarem dentro.
E já vou fazer mais opções com o suas sugestões de vai-e-vem, boliche e jogo de argolas com garrafa pet.

E depois, como minha preparação para encaminhamento do lixo já está em andamento, dar o devido destino aos mesmos quando estes brinquedos não mais interessarem äs crianças.

Parabéns pelo tema, adorei.
bjs!

álvaro disse...

Não tenho filhos pequenos mas tenho netos e nunca tinha pensado nessas colocações.
Vou usar mais meu lixo e aproveitar para brincar mais com meus netos.
Mesmo indo para o lixo depois, pelos menos, demorou mais para ir e economizou o mundo de um brinquedo que seria comprado para o mesmo fim, gerando mais lixo ainda no futuro.

renata disse...

Gente, a intençao dessa postagem foi mostrar que o lixo pode ser transfomado num brinquedo que ira contribuir com a formaçao dos pequeninos, além do valor que é dado ao proprio lixo. o alvaro complementou bem o meu texto, ressaltando que essa pratica pode nos ajudar a consumir menos brinquedos industrializados. Consequentemente produzimos menos lixo no planeta! abraços

Paula - RJ disse...

Eu nunca fiz este tipo de brinquedo para meus filhos mas achei a idéia interessante.
Até como programa em família num tarde de sábado.
É so se programar e separar os materiais.
O que acham?

Ana Cláudia Bessa disse...

Adorei esa idéia, Paula!

Anônimo disse...

Eu também reutilizo materiais para fazer brinquedos para meus alunos. Também incentivo que eles tragam materiais de casa para confeccionarmos juntos, em sala de aula, os brinquedos.
Isto deveria ser mais divulgado.
Marilia Barbosa

Anônimo disse...

adorei a reportagem e os sites com dicas de brinquedos feitos com sucata.Quanto à idéia do programa no sábado à tarde também é muito interessante.