sexta-feira, 25 de janeiro de 2008

NOTÍCIAS ESTRANHAS

Tenho lido umas notícias estranhas no jornal.
Algumas pessoas diriam absurdas mas eu fico pensando no que passa na cabeça de alguns seres humanos. Eu acho que nunca vou me acostumar com essa “normalidade”.

Numa delas, lojas, supermercados, quiosques, bares e afins, todos renomados na cidade, vendem tranquilamente bebidas alcoólicas á menores de idade. O teste feito por uma menina de 15 anos, é assustador: ela comprou chopp, caixa de cerveja e até vodka. Aí, colocamos a culpa no comerciante mas e a pessoa que está vendendo no balcão e no caixa? Essas pessoas não têm discernimento nenhum? Que país é este do qual elas tanto reclamam e que não fazem nada para melhorar?

Outra é que o Instituto Brasileiro de Relações com o Cliente (IBRC) – nem sabia que isso existia mas olha o trabalho coerente desse pessoal – fez um teste surpresa nos novíssimos quiosques da orla de Copacabana e dos 19 testados, apenas 4 estavam em conformidade, Sendo que destes, apenas um, levou nota máxima. Apenas um!!!!!

Só que as coisas erradas não estavam só na cozinha, embaixo da pia onde ninguém vê. As lixeiras transbordavam do lado de fora, um cardápio tinha telefone da Sunab que foi extinta há 10 anos! Ou seja, essas porcarias só funcionam porque , nós clientes, não nos damos ao trabalho de pensar: se aqui , na minha cara é assim, como será lá dentro? Deixa eu me mandar! E esses comerciantes, que lidam diretamente com a saúde pública, que não se importam se alguém vai passar mal ou não comendo sua comida? E não se enganem, os quiosques não são pé-de-chinelo, não: são renomados e alguns de cadeias mundiais de fast food. Não se iluda!

E por fim, uma clínica da zona sul do Rio está com a agenda lotada para cirurgias de reconstrução de hímen nas jovens cariocas. É a mais nova febre. Eu pensei muito a respeito do motivo das pessoas que fazem isso (profissionais), das pessoas que s submetem á isso (clientes) e dos que permitem isso (responsáveis quando as clientes são jovens “demás”) e......
não sei.

_______________________________________________________________________________ Ana Cláudia Bessa

7 comentários:

matteo irma disse...

Esse mundo tá te cabeça pra baixo mesmo...socorro!
beijos
Renata

Anônimo disse...

Você acha isso tudo estranho?
Estranha prá mim só a última, aliás, esquisita demais...
o resto...normal...

denise disse...

Estranho é quando os próprios pais mandam os filhos comprarem bebidas e cigarros. Realmente, as coisas estão muito mal. Só Jesus salvando...
beijo,menina

Lívia disse...

O alcool é um grave problema que a maioria prefere não tocar. Insistem que o problema da juventude são as drogas ilegais, que isso alimenta o narcotráfico etc, e assim continuamos com essa apologia e falta de cumprimento de leis contra o álcool. A realidade é simples: um bêbado pode ser muito, muito mais perigoso que uma pessoa que usou machonha.

Ótimo Blog!

Cristiane Fetter disse...

Eu tô bege com essa história de reconstituição do hímem.
Pra quê?
Pra quem?
Isso quer dizer que os homens cariocas estão exigindo "virgindade", ou será a família dessas mulheres?
O que está acontecendo com nossa sociedade?

Ana Cláudia Bessa disse...

Pois é , gente...
como o amigo anônimo falou, acho que noi fundo, tudo isso hoje é normal...
Mas como falei no texto, não quero me habituar com essa NORMALIDADE...

A menina de 15 anos, foi usada exclusivamente pro teste, não comprou a bebida para sí.

Os quiosques devem continuar lá, funcionando servido sujeira prá quem quiser comer...

E recostrução de hímen?
fala sério...que mentalidade tem uma menina, uma mulher ou os pais de gente que se mete com isso?

Paola Oliveira disse...

Pior é que essas barbaridades estão cada vez mais normais...