segunda-feira, 7 de julho de 2008

Sonoleve ou será Pesado?

Estava eu procurando, em várias lojas de móveis em colchões em Campo Grande (bairro do Rio de Janeiro) um sofá-cama de solteiro. Encontrei em muitas delas, mas a entrega não aconteceria em menos de 10 dias. Bem, eu tinha urgência, então parti para a compra de uma cama dobrável. Pequena, fácil de guardar, prática e eu poderia comprar, colocar dentro do carro e levar para casa na hora.

Ledo engano. Quando finalmente achei a tal cama em uma das lojas da rede de lojas Sonoleve (Rua Coronel Agostinho), a vendedora me fez muitas mesuras, me levou para dentro da loja e foi procurar no estoque. Após quase 10 minutos ela volta me dizendo que não tinha em estoque. Responde: tudo bem, eu levo a do mostruário.

- Ahhhhhhh, mas essa eu não posso vender.
- Como assim?
- Ela foi para o mostruário hoje e isso atrai cliente para a loja, por isso não posso vender!
- Continuei sem entender, expliquei para a vendedora. Você me faz entrar na loja, me diz que não tem estoque e que não pode me vender o mostruário. Você não quer ganhar a sua comissão ou não quer trabalhar?
- Não é nada disso, eu não trouxe você para dentro da loja, então fiz o meu trabalho!
- Como fez seu trabalho? Você além de não vender nada, por conseguinte não vai ganhar comissão, além do que o cliente não está satisfeito!

Ela continuou insistindo que tinha realizado o trabalho dela sim, mas se EU quisesse poderia TENTAR falar com o gerente de nome Alex. Fui até a tal criatura e perguntei se poderia levar a cama e o indivíduo me deu as mesmas explicações da vendedora e disse que tinha levado uma bronca da supervisora dele por ter vendido um item de mostruário na semana anterior. Argumentei que o cliente não poderia ficar insatisfeito, mas ele disse que não poderia fazer nada.

Seguiu-se então uma conversa muito, mas muito estranha. Primeiro fiquei olhando para esta criatura e pelo meu semblante provavelmente aparecia um rosto indignado, incrédulo, insatisfeito, estupefato e claro irônico, pois a partir daquele momento esta loja está cortada do meu rol de possíveis fornecedores de produtos.

O engraçado é que eu disse que a situação era tão absurda, já que TODAS as outras lojas do MUNDO, até insistem para você levar a peça do mostruário efetuando assim a venda, mesmo que apliquem um desconto, e aquela era a única que não fazia isso, e que este episódio merecia um texto especial no blog.

Quando disse isso o "cara" ficou apavorado e começou a dizer: No blog não, por favor, no blog não!

Ou ele não sabe o que isso significa ou sabe exatamente a força que este tipo de texto e ação possui. Então aqui está o meu repúdio por uma situação ridícula, que me fez perder um tempo considerável da minha vida, me fez perder tempo tentando conversar uma pessoa preparada (ou não) para vender produtos a me vender um item dele. Me senti humilhada, já que praticamente tive que implorar para comprar a mercadoria. Surreal.

Depois disso, andei uns 20 metros, entrei em outra loja, SUPERLAR e perguntei se eles possuiam a tal cama dobrável, o vendedor me informou que havia vendido a última, e adivinhem: A DO MOSTRUÁRIO!

Fiquei triste é claro, mas ele me deu uma solução para o meu problema, já que o estoque da loja ainda não havia sido reposto, ele me perguntou se eu não queria pegar a cama no depósito que ficava ali perto, além do mais a mercadoria que estava lá tinha um preço 30 reais mais barato e eu poderia parcelar em 5 vezes sem juros.

AHA!

______________________________________________________________________ Cristiane A. Fetter


Ps.: Para quem não assistiu ao Fantástico do dia 29/06, informo que a Sonoleve foi reprovada no teste de densidade de seu colchão D33, ele não tem as especificações necessárias, eu acredito então que a densidade do colchão é D171

4 comentários:

Ana Cláudia Bessa disse...

Cris, é por isso que eu falo: atendimento ao cliente no Brasil é conceito ainda para inglês ver...como se diz.

A maior parte das empresas, conhece o verbo mas não conjuga e a gente se depara com essas situações totalmente incompreensíveis. Tragi-cômicas.
Vnde quem tem bom senso para atender o cliente.
E vence o cliente que é exigente.
Contudo, ter que ser assim o tempo todo , às vezes, cansa, não cansa?

thais disse...

Gente, que absurdo!!!!!!!

Bom, mesmo, colocar na internet.

beijo,

Ismar disse...

Infelizmente não li a tua narrativa a tempo. Comprei uma cama box e paguei à vista para entre até 20/12/2008. Não recebi a mercadoria conforme combinado. Me dirigi a vendedora "Leide" solicitando o cancelamento da compra. Fui agredido pelo tom de voz da referida senhora. Procurarei umadvogado para execussão da empresa.

Ismar

Anônimo disse...

Infelizmente tbm não li antes!
Passei por fato parecido com o seu, mas no meu caso foi uma estante. Só entregaram a infeliz no dia 23/12 e dizem q talvez montam em 5 dias. Estou até hj aguardando a montagem. Vou até a loja novamente e caso não montem até amanhã, procurarei tbm um advogado, pois isso é um absurdo, já q o vendedor me garantiu q antes das "festas" já estaria entregue e montada.